Oficina de elaboração de texto científico

No dia 12 de março de 2011, aconteceram dois eventos no Polo: uma oficina de elaboração de texto científico e um debate com o deputado Glauber Braga e com o professor Eduardo Sampaio (UERJ/IPRJ).

________________

Na oficina de textos acadêmicos, os tutores Luiz Fernando e Antônio Nunes explicaram como proceder na construção de um artigo acadêmico ou de um TCC.

As dicas abordavam desde a linguagem a ser utilizada no texto até a formatação do documento, tratando de elementos como paginação, pré-textuais, capa, etc.

Foi explicada a importância do resumo e das palavras-chave: facilitar ao pesquisador identificar se aquele documento é o que ele procura ou não. Outras informações simples, mas não menos importantes, são os pré-textuais. A capa não entra nos pré-textuais e estes são contados mas, não são paginados. (Por isso vemos artigos e livros começando em números diferentes do ‘1’)

Os pré-textuais geralmente são formados por:

_ Folha de rosto (página contendo itens obrigatórios, como: nome do autor, título do trabalho, informações sobre a origem do trabalho, instituição onde o trabalho foi realizado, cidade e ano de conclusão do trabalho.)

_ Dedicatória

_ Agradecimentos especiais

_ Epígrafe (Página que contém um pensamento de alguém, pensamento esse que resume o que você quis dizer com o seu trabalho)

_ Resumo (Tema; Objetivo; Metodologia; Autores. – Formatação em bloco, espaço simples) (Em alguns casos, se faz necessário também um Abstract, que é o resumo traduzido para um idioma estrangeiro, que pode ser o inglês, o espanhol ou o francês.)

_ Palavras – chave

_Sumário

Uma boa dica para iniciar sua monografia é pesquisar as referências do módulo, pois elas estão atualizadas. (Isso se você for aluno do CEDERJ.)

Vale ressaltar que o assunto plágio recebeu especial atenção. Isso porque essa prática é muito comum, mesmo sendo criminosa e não construtiva para o pesquisador.

Oficinas como essa são essenciais, não só para universitários, mas para estes principalmente, pois muitos deles vêem a monografia como obstáculo final de um trajeto que já é, por si só, muito difícil.

Assista a um trecho da oficina:

Esperamos que em breve outras atividades como esta possam acontecer.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s